Notícias

Atlético mira contratação de Evander, do Vasco, e encaminha troca por empréstimo

Por Redação, 01/06/2018 às 17:55
atualizado em: 02/06/2018 às 08:07

Texto:

Ouça na Íntegra
00:00 00:00
Foto: Carlos Gregório Jr/Vasco/Divulgação
Carlos Gregório Jr/Vasco/Divulgação

Em busca de um substituto para o venezuelano Rómulo Otero, que deve acertar nos próximos dias a transferência para o Al Wehda, da Arábia Saudita, o Atlético encaminhou uma troca com o Vasco para a contratação do meia Evander. Na negociação, que seria por empréstimo, o clube mineiro cederia o volante Lucas Cândido e o meia-atacante Marquinhos. A informação é do repórter da Itatiaia, Claudio Rezende.

Detalhes da transação, como o período dos empréstimos e se os direitos econômicos serão fixados ou não ao fim do vínculo, ainda são definidos pelos clubes. A tendência é que Evander fique no Atlético até dezembro de 2019, mesmo período da estadia de Lucas Cândido no Vasco. Já Marquinhos permaneceria na equipe carioca até o fim deste ano. As tratativas deverão ter um desfecho nos próximos dias.

A imprensa do Rio de Janeiro informa que Evander chegaria ao Atlético com os direitos fixados em 6 milhões de euros. No fim de abril, o São Paulo tentou a contratação do meia na troca por Diego Souza, mas, na ocasião, o técnico vascaíno Zé Ricardo não aceitou liberar o camisa 10 para o Tricolor Paulista.

Com 19 anos – completa 20 no próximo dia 9 – Evander é cria da base vascaína e é visto como uma grande promessa. Após um bom início de temporada no Gigante da Colina, o meia caiu de rendimento e se envolveu em polêmica após a vitória sobre a Universidad de Chile, dia 22 de maio, em Santiago, pela Copa Libertadores. Na ocasião, ele apareceu em uma foto nas redes sociais ao lado de outros seis jogadores ironizando vaias dos torcedores pela má fase do time. Na legenda da imagem, os atletas perguntavam "de quem é a culpa?".

A atitude não caiu bem e Evander foi afastado pela diretoria junto com outros três atletas do elenco (o volante Wellington, o zagueiro Paulão e o goleiro reserva Gabriel Félix). Dias depois, os jogadores postaram um novo texto pedindo desculpas. A punição durou até semana passada e o camisa 10 foi reintegrado.

Lucas Cândido, de 24 anos, e Marquinhos, 18, são pouco utilizados pelo técnico Thiago Larghi. O volante chegou a atuar neste ano improvisado na lateral-esquerda, mas não foi bem. Já o meia-atacante entrou em campo apenas uma vez como profissional: no empate sem gols com o San Lorenzo, no Independência, que eliminou o Atlético da Copa Sul-Americana.

Ouça acima as informações com Claudio Rezende

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    'Eu estou levando minha revolta para um lado de injustiça, eu preciso de uma resposta. Eu guardei tudo no quarto do bebê. Essa dor parece que não vai passar', completa.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    O caso foi revelado em primeira mão pela rádio Itatiaia e repercute nacionalmente.

    Acessar Link