Auto Truck CPM Interno

Notícias

Câmara cortará despesas e ampliará receita com venda da folha de pagamento

Por Agência Brasil, 30/08/2017 às 17:29

Texto:

Pedro França/Agência Senado

A presidência da Câmara dos Deputados anunciou nesta quarta-feira que reduzirá suas despesas e ampliará as receitas em R$ 457,5 milhões. Em comunicado assinado pelo presidente da Casa, Rodrigo Maia, a medida prevê o corte orçamentário de R$ 236,5 milhões nas despesas programadas para este ano.

A decisão foi tomada na terça-feira (29) antes de Rodrigo Maia assumir interinamente a Presidência da República, em razão da viagem do presidente Michel Temer à China. No comunicado, o presidente justifica a medida como uma forma de contribuição ao corte de gastos públicos promovido pelo governo federal.

De acordo com a nota, entre as despesas que sofrerão cortes estão as destinadas a custeio operacional, obras, investimentos, pessoal e encargos sociais. A medida inclui o fim do pagamento de adicional noturno a partir da suspensão do funcionamento da gráfica da Câmara no período da madrugada.

Com o objetivo de aumentar a arrecadação, a direção da Casa também decidiu vender a folha de pagamento para a Caixa Econômica e o Banco do Brasil. Para processar as folhas de pagamento, os bancos deverão pagar, imediatamente, à Casa, o montante de R$ 70 milhões e de forma parcelada em 60 meses, o total de R$ 151 milhões.

Segundo o comunicado, a receita levantada nesta operação será transferida ao Tesouro Nacional. A medida será publicada no Diário Oficial desta quinta-feira (31).

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    'Eu estou levando minha revolta para um lado de injustiça, eu preciso de uma resposta. Eu guardei tudo no quarto do bebê. Essa dor parece que não vai passar', completa.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    O caso foi revelado em primeira mão pela rádio Itatiaia e repercute nacionalmente.

    Acessar Link