Unimed Set Maxiboard interno

Notícias

Marta treina com bola e aumenta suas chances de enfrentar a Austrália no Mundial

Por Agência Estado, 11/06/2019 às 16:08
atualizado em: 11/06/2019 às 16:14

Texto:

Foto: Assessoria / CBF
Assessoria / CBF

Depois de desfalcar a seleção brasileira na estreia do Mundial Feminino da França, no último domingo, em Grenoble, onde a equipe nacional venceu a Jamaica por 3 a 0, Marta treinou normalmente com bola nesta terça-feira, em Montpellier, e aumentou as suas chances de estrear na competição na quinta, quando o Brasil encara a Austrália, às 13 horas (de Brasília), pela segunda rodada do Grupo C do torneio.

Eleita pela sexta vez a melhor jogadora do mundo pela Fifa, a atacante não encarou as jamaicanas por ainda estar em fase final de recuperação de uma lesão na coxa esquerda. Agora, porém, a craque deu um claro indício de que ficará à disposição do técnico Vadão para o duelo diante das australianas.

Marta participou ativamente e sem nenhuma restrição do treinamento realizado em campo reduzido nesta terça. Com boa movimentação, ela também esteve presente em um trabalho de finalizações ao gol e mostrou estar em boas condições para defender a seleção.

Sem a sua principal estrela em campo, o Brasil contou com três gols de Cristiane para derrotar a Jamaica na estreia. A estrela brasileira se machucou no último dia 24 de maio, durante o período de preparação que o time nacional realizado em Portugal antes de seguir para a França e desde então fez tratamento intensivo para poder atuar. 

Depois do duelo desta quinta-feira diante das australianas, a seleção brasileira fechará a sua campanha na primeira fase do Mundial no próximo dia 18, contra a Itália, às 16 horas (de Brasília), em Valenciennes.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Bolsonaro provoca presidente da OAB: 'Posso contar como o pai dele desapareceu' https://t.co/VL1QAuI1sI https://t.co/uO2itrIBJh

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    'Eu estou levando minha revolta para um lado de injustiça, eu preciso de uma resposta. Eu guardei tudo no quarto do bebê. Essa dor parece que não vai passar', completa.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    O caso foi revelado em primeira mão pela rádio Itatiaia e repercute nacionalmente.

    Acessar Link